Internet lenta: causas, soluções e teste de velocidade

Seja em casa ou no trabalho, a Internet lenta pode incomodar e acabar atrasando tarefas simples do dia a dia, como fazer o download de arquivos, carregar um vídeo ou até fazer uma videochamada.

Você pode até pensar que a sua Internet lenta é culpa do seu plano, porém, muitas vezes, acaba sendo um acumulado de diversos fatores que deixam a sua Internet lenta.

Então, antes de ligar para a sua operadora e pedir um upgrade de plano, você poderá tentar algumas soluções que separamos aqui.

Lembre-se de sempre verificar se o seu plano de velocidade é o ideal para as suas atividades.

Feito isso, vamos resolver a Internet lenta!

O que deixa a Internet lenta?

Existem muitos motivos pelos quais sua conexão com a Internet pode parecer lenta.

Pode haver um problema no modem ou no roteador, no sinal Wi-Fi, na intensidade do sinal na linha de cabo, nos dispositivos da rede que saturam a largura de banda ou mesmo em um servidor DNS lento.

A sua Internet poderá ficar mais lenta se:

Você tem problemas com sua conexão

Uma das coisas mais comuns que causam lentidão na Internet é aquela que você não pode controlar – é um problema com sua conexão. Como você pode saber se isso está acontecendo com você?

Quando você assinou a sua Internet de banda larga, deveria ter recebido uma estimativa de velocidade indicando o nível de desempenho que você espera alcançar.

Use uma ferramenta de Teste de velocidade para comparar essa estimativa com o que você está realmente recebendo.

Recomendamos desconectar todos os outros dispositivos ao executar o teste de velocidade e ficar ao lado do roteador.

Melhor ainda, conecte seu computador ao roteador através de um cabo Ethernet, se você tiver um.

Quando terminar, compare o resultado do teste com a sua estimativa. Se for significativamente mais lento, pode indicar que o problema está com sua conexão.

Para ter certeza, reinicie o roteador e tente o teste novamente, talvez com um dispositivo diferente.

Seu roteador está no lugar errado

A posição do seu roteador Wi-Fi é outra causa comum de lentidão na banda larga.

Sem entrar em detalhes técnicos, um sinal Wi-Fi fica mais fraco quanto mais viaja e mais objetos físicos ele precisa passar. Quanto mais fraco, mais lento será.

Tente posicionar o roteador em algum lugar central da sua casa, de preferência fora do chão. Isso ajudará o sinal a alcançar os cantos mais distantes da sua casa.

Esteja ciente de que alguns dispositivos eletrônicos, como bases telefônicas, podem interferir nos sinais, assim como ornamentos metálicos.

Tente mantê-lo em um espaço bastante aberto, não em uma prateleira cercada por outros objetos e evite colocar coisas por cima do seu roteador.

Seu sinal não cobre toda a sua casa

Mesmo quando você encontra o ponto ideal para o seu roteador, ainda há limites para o alcance do sinal.

Se você mora em uma casa ou apartamento com muitos cômodos, por exemplo, o sinal de Internet precisará passar por diversas paredes para chegar ao seu dispositivo.

Edifícios antigos também podem ser um problema, pois alguns materiais de construção ou mesmo a espessura das paredes podem afetar o alcance de um sinal Wi-Fi.

Uma solução é instalar alguns repetidores de sinal ao longo da sua residência, para ampliar o alcance e diminuir a interferência.

Há muitas pessoas conectadas

Qual é a razão mais óbvia pela qual algo diminui a velocidade? Há muitas pessoas usando!

Isso pode acontecer se existem muitas pessoas conectadas na mesma rede, principalmente se o plano de velocidade contratado for menor que 25 Mbps.

A maioria das conexões brasileiras fica na média de 10 Mbps e somente a Netflix precisa de uma velocidade de 5 Mbps para reproduzir vídeo HD – isso é metade da sua velocidade disponível.

Agora, adicione alguém que assista a vídeos do YouTube, alguém jogando jogos online e outra pessoa que esteja baixando arquivos grandes para trabalhar. A Internet ficará muito mais lenta.

Isso também pode se aplicar à área em que você mora. Quanto mais a área for construída, mais clientes estarão conectados ao seu gabinete de rua local.

Isso significa que as velocidades podem ficar mais lentas nos horários de pico, porque todos estão em casa, no trabalho e na escola, e fazendo uso da Internet.

Você pode contornar isso configurando atualizações – como sistemas operacionais e jogos para telefone e computador – para baixar durante a noite quando menos pessoas estiverem usando a Internet.

Muitos roteadores são bons em priorizar certos tipos de tráfego. Isso significa que downloads críticos em termos de tempo, como vídeos em fluxo contínuo, não são interrompidos, mas os downloads de arquivos podem ser mais lentos.

Downloads em segundo plano

Não adianta desligar o Youtube ou Netflix, se outros programas fizerem downloads em segundo plano enquanto você utiliza o computador.

Esses downloads ocultos acontecem o tempo todo. Como quando o seu laptop baixa e instala automaticamente uma atualização para o Windows ou seu telefone é atualizado, sua caixa de TV ou praticamente qualquer outra coisa que você tem conectado à Internet.

Essas atualizações podem ter alguns gigabytes de tamanho e, em uma conexão de banda larga padrão, pode levar uma hora ou mais para ser concluída.

Os videogames são ainda piores. Eles costumam ter atualizações de 10 gigabytes ou mais e podem entupir o sistema pelo resto do dia.

Vírus e malware

Quando sua Internet fica lenta de repente, e sem motivo óbvio, vale a pena verificar se o computador e o software antivírus estão totalmente atualizados e funcionando corretamente.

Vírus e outros tipos de malware não desaceleram sua Internet especificamente, mas desaceleram seu hardware e tornam a navegação e outras atividades online muito mais lentas.

Execute uma verificação antivírus para tentar resolver o problema. Muitos provedores de banda larga oferecem software de segurança gratuito quando você se inscreve, por isso, certifique-se de usá-lo se o seu for o caso.

Além disso, fique atento a outros sinais de aviso. Isso inclui a página inicial do seu navegador mudando inesperadamente ou os coolers do seu computador girando rápido e alto, mesmo quando você não o está usando. Isso pode ser um sinal de software desonesto sendo executado em segundo plano.

Internet lenta: o que fazer?

Se você está enfrentando problemas com Internet lenta na sua casa ou trabalho, poderá tentar algumas soluções simples para tentar resolver. São elas:

Execute os métodos comuns de solução de problemas

Se você acha que seu provedor de serviços está limitando sua conexão, é hora de fazer alguns testes, antes de ligar para a sua operadora.

Execute todos os passos de resolução de problemas básicos de Internet, para ter certeza de que a sua conexão está realmente lenta.

Verifique se o seu roteador está bem posicionado, sem nenhuma obstrução ou barreira física para o sinal e verifique se todos os cabos estão conectados corretamente e em boas condições.

De preferência, coloque o seu roteador em uma área mais central da casa, em algum móvel que possa ficar mais elevado.

Verifique se a sua rede é protegida por senha e se não tem mais ninguém, além das pessoas que moram na sua casa, utilizando a sua conexão.

Reinicie o seu roteador, para limpar o sistema de dados que possam ficar armazenados no roteador. Espere 30 segundos com ele desligado e, só então, religue a Internet.

Depois de executar todos esses passos, a sua Internet não voltar ao normal, siga para o próximo passo.

Faça um teste de velocidade para verificar possíveis problemas no seu servidor

Depois de se certificar de que não há explicações simples para seus problemas de Wi-Fi, você pode obter uma medição mais profunda da saúde da sua Internet de várias maneiras.

Você pode começar executando um teste de velocidade em plataformas com análises mais completas, como o SpeedTest e o nPerf.

Isso verificará a velocidade da sua conexão, avaliando essencialmente se o seu provedor está fornecendo desempenho consistente, independentemente do conteúdo que você está acessando.

Essa medida não é perfeita, mas é um bom ponto de partida.

Instale um VPN confiável

Se você fez um primeiro teste básico de saúde na Internet e ainda acha que algo pode estar errado com seu ISP, comece a pesquisar VPNs.

Existem dezenas de razões para obter um e muitos fatores a serem levados em consideração ao procurar a melhor rede virtual privada, como segurança, preço e localização do servidor.

Aqui, podemos recomendar VPNs de empresas confiáveis, como Norton e McAfee.

Compare a sua velocidade com o VPN instalado

Logo após instalar o VPN, você pode testar a sua Internet em algum aplicativo confiável como Fast.com ou Speedtest.net.

Compare os resultados com o mesmo teste quando sua VPN estiver ativa.

O uso de qualquer VPN deve reduzir sua velocidade consideravelmente, portanto os testes de velocidade devem mostrar uma discrepância, com a velocidade ativa da VPN notavelmente mais lenta que a velocidade inativa da VPN.

Mas uma VPN também oculta o endereço IP que os provedores usam para identificá-lo; portanto, se o seu teste de velocidade com a VPN for mais rápido do que sem a VPN, isso pode significar que o seu servidor está direcionando seu endereço IP para limitação.

Corrija a sua Internet

Esta pode ser uma das etapas mais difícil, já que aqui vamos saber se os problemas com a Internet são internos ou vem do servidor.

Se o motivo para a lentidão da sua Internet estiver dentro da sua casa, reposicionar o roteador ou trocá-lo de cômodo poderá resolver. Também é bom lembrar de reiniciá-lo de tempos em tempos.

Caso o problema na sua Internet venha do servidor, você precisará entrar em contato com a sua operadora. Pode ser que você apenas esteja alocado em um servidor cheio, mas também pode ser um problema técnico.

Se a sua Internet estiver lenta porque o seu plano é limitado, você precisará trocar o seu plano para atender às suas necessidades.

Mas, se sua Internet está lenta por outros motivos, o seu provedor precisará oferecer suporte técnico especializado para verificar cabeamentos e armários.

Como provar que a minha Internet está lenta?

No dia-a-dia, é possível perceber a Internet mais lenta durante as atividades, como upload e downloads de arquivos mais lentos.

No entanto, para entrar em contato com a sua operadora, você precisará provar que a sua Internet está ruim através de um teste de velocidade e, em alguns casos, de um diagnóstico de rede pela própria operadora.

Se depois de tentar todas as alternativas apresentadas a sua Internet ainda estiver lenta, o mais recomendável é que você faça um upgrade no seu plano ou troque a sua assinatura para um servidor local.

É muito comum servidores nacionais enfrentarem constantes problemas de congestionamento ou um suporte demorado e um servidor local poderá diminuir os riscos de que você pague por uma Internet ruim!

Você gostou do nosso artigo e quer ficar por dentro de mais conteúdos sobre Tecnologia? É só acessar o site ou as mídias sociais da KONNET.

Compartilhar
Contratar pelo WhatsApp
Contratar
Escanear o código
Olá, querido(a) visitante!
Como podemos lhe ajudar hoje?